Blog

Projeto de reflorestamento: Entenda o funcionamento desse projeto

Antes de começarmos a falar sobre o funcionamento de um projeto de reflorestamento, iremos abordar o objetivo deste, que geralmente está atrelado à elaboração do projeto em si. O projeto de reflorestamento  visa a recuperação de áreas degradadas que perderam sua vegetação nativa, por meio de forças naturais ou humanas. Grande parte dessa perda é provocada por incêndios florestais, que destroem, de forma violenta, a vegetação, afetando toda a biodiversidade. Para fazer a recuperação dessas áreas, é muito comum optar pelo plantio de mudas de árvores nativas, além de manter uma manutenção da vegetação já existente na área para a sua conservação. 

Mudas que serão plantadas na área de restauração florestal, o zoneamento foi é crucial para determinar qual é o melhor tipo de planta para ser plantada no local de acordo com o estado do solo

Um dos primeiros passos para a elaboração da evolução do projeto de  reflorestamento é definir a sua dimensão, podendo abranger um nível médio, como a de uma propriedade rural de médio porte. É importante esclarecer  que, quanto maior for a dimensão do projeto, maiores serão as chances de obter um ótimo resultado. 

Partindo desse ponto, o próximo passo é  o zoneamento da área que será recuperada, da mesma maneira que denominam-se as áreas onde há ou houve o uso errôneo do solo. Usualmente, apenas se utiliza esse tipo de dimensionamento, quando a aŕea é de médio porte ou uma parte de alguma propriedade rural; precisando identificar e demarcar as circunstâncias ambientais, como o tipo de solo, a identificação do estado de degradação, umidade do solo, vegetação, topografia, entre outros. Em propriedades maiores, para realizar o zoneamento, é preciso utilizar imagens de satélites como auxílio para determinar a extensão. Após a auditoria da área, descobre-se a classe do solo e a definição dos seus limites. Ademais, o zoneamento é crucial para a definição da técnica que melhor se encaixa na restauração da área.

Na etapa da técnica de reflorestamento, é preciso escolher a espécie que será utilizada para a restauração. Geralmente são as espécies nativas, que já existem ou que existiram em floresta com a mesma microbacia. Deve-se plantar um número variado de espécies, pois, dessa forma, incentiva-se a biodiversidade do local. É indicado o uso de espécies que obtenham um rápido crescimento, juntamente com categorias que sejam atrativas para a fauna. Da mesma forma, mantém-se a observação do estado do solo. Se o mesmo estiver muito degradado, é preciso usar espécies leguminosas. 

A produção de semente também é uma técnica que pode ser escolhida para ajudar na restauração, fazendo a coleta entre 12 a 15 árvores de fragmentos florestais distintos. Por conseguinte, a produção de mudas, produção de mudas por sementes também são técnicas que podem ser utilizadas. 

Por fim,  para a implantação do projeto de restauração florestal é necessário seguir algumas etapas, como o estudo de toda a condição ecológica do local a ser estudado, a observação da fertilidade do solo e vegetação arbórea nativa do local. 

  • Um dos primeiros passos para a implantação é a limpeza da área e o preparo do solo;
  • O segundo é fazer o combate às formigas cortadeiras;
  • O terceiro é o coveamento, onde realiza-se o preparo do solo por meio da aração e gradagem;
  • O quarto seria fazer a calagem e adubação, que irá nutrir o solo e corrigir os parâmetros;
  • O quinto vem após a finalização do preparo do solo, quando a realização do plantio de mudas será feito;
  • E, por último, deve-se manter a manutenção do trabalho, para garantir o crescimento das mudas e a nutrição do solo, auxiliando na recuperação da área.
plantio de mudas na etapa de implementação do projeto, para a restauração da área

E aí, gostou do conteúdo? Veja o nosso portfólio e entre em contato com a gente! Para ficar por dentro de novos conteúdos e informações importantes acerca desse tipo de assunto, acompanhe o nosso Instagram, LinkedIn, ou entre em contato através do nosso e-mail marketing@agrha.com e agende uma conversa conosco

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Preparado para a mudança?

Rua Passo da Pátria, n° 156 - Sala 452 Bloco D
São Domingos - Niterói - RJ

(21) 96686-9176

A Agrha Consultoria é uma instituição
SEM FINS LUCRATIVOS

Copyright © 2020 Agrha Consultoria