Blog

Preservação do ambiente marinho e sua importância nos ecossistemas

vida sustentável
imagem sobre ambiente marinho
Entenda quais são as áreas de preservação ambiental marinha e sua importância.

Atualmente sabemos como é importante a preservação do ambiente marinho, por conta da constante falta de preocupação com a preservação biológica. Por isso, foram criados parques e áreas de proteção pela costa brasileira e pelo mundo, a fim de preservar essas espécies, e proteger os recursos naturais que existem nos oceanos.

As nações que participam da Conferência “Nosso Oceano, Um Futuro”, têm como prioridade a criação de áreas protegidas adicionais e o objetivo de apoiar a implementação do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 14: conservar e utilizar de forma sustentável os oceanos, os mares e os recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável. 

Já que o futuro depende muito dos nossos hábitos atuais e sabendo-se da importância que os oceanos têm para o mundo, muitos países sentiram a necessidade de preservar esse bem comum. Por isso, a Conferência “Nosso Oceano, Um Futuro” foi criada por 193  Estados-Membros da ONU.

Qual a diferença entre Santuários marinhos e Parques?

Os Santuários Marinhos e Monumentos possuem a função de preservar um espaço no mar, restringindo o acesso de pessoas. Consiste numa preservação generalizada, já que, anteriormente, as espécies presentes nesses locais sofreram os fortes impactos da ação humana.

Os Parques Nacionais Marinhos podem ser utilizados para o ecoturismo, por moradores locais, visitantes e pesquisadores. Além de proteger os recursos existentes, as pessoas podem usufruir deste espaço de maneira sustentável, sem agredir o meio-ambiente .

Estas áreas possuem um papel chave na vida das espécies marinhas e do ser humano. Por serem áreas marinhas protegidas, são de extrema importância para a reprodução de espécies (estando elas em extinção ou não), repõem os estoques de peixes, mariscos, dentre outras espécies consumidas pelo homem e auxilia diretamente na pesca consciente, movimentando a cadeia alimentar e beneficiando os pescadores.

imagem sobre ambiente marinho
Áreas de proteção marinha no Brasil.

A zona costeira brasileira é de grande importância, pois é nela que se encontra cerca de 90% de toda a vida marinha, que começa na faixa de transição do continente para os mares e oceanos. No Brasil, existem poucas áreas marinhas protegidas, que equivalem a menos de 1,5% de toda a zona costeira e espaço marítimo jurisdicional. Como participante da Rio+20, deveriam ser implantadas pelo menos 20% de áreas marinhas protegidas, devido à sua grande extensão territorial .

Atualmente, as áreas protegidas representam uma medida de bastante eficácia para a proteção da biodiversidade marinha. Estas abrigam muitas espécies da fauna e flora, que podem ser raras ou ameaçadas de extinção. 

Por isso, deve-se ter grande atenção aos órgãos responsáveis pelo cuidado do ambiente marinho, para a construção de um mundo mais sustentável para as gerações futuras.

imagem sobre ambiente marinho

E aí, gostou do conteúdo? Veja o nosso portfólio e entre em contato com a gente! Para ficar por dentro de novos conteúdos e informações importantes acerca desse tipo de assunto, acompanhe o nosso Instagram, LinkedIn, ou entre em contato através do nosso e-mail marketing@agrha.com e agende uma conversa conosco!

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Preparado para a mudança?

Rua Passo da Pátria, n° 156 - Sala 452 Bloco D
São Domingos - Niterói - RJ

(21) 96686-9176

A Agrha Consultoria é uma instituição
SEM FINS LUCRATIVOS

Copyright © 2020 Agrha Consultoria